Gotham | 3×16 – Heroes Rise: These Delicate and Dark Obsessions

Quando você começa a acreditar que Gotham está indo por um caminho muito bom, mas a Fox ainda não renovou a série para a quarta temporada… Pois é, meninos e meninas, ainda não temos certeza do futuro da série e meu medo é que realmente se encerre nesta temporada, justo por termos visto menino Bruce sendo introduzido à sua missão maior: salvar Gotham através do medo, passando pelo beco onde seus pais foram assassinados que talvez o prenda à inocência, talvez ao não usar de sua força mor…

Bruce, em sua prisão atual, conhece o Shaman que tem muito o que lhe ensinar, mas o personagem aqui está fazendo o trabalho por conta da Corte – o que não me faz confiar nele o suficiente e por alguma razão me lembra o Ra’s Al Ghul de Batman Begins, um mestre no qual nosso Cavaleiro das Trevas terá de enfrentar por distorção de ideais finais.

Mesmo tendo teorizado tudo isso, ainda é incerto que nosso querido ex-namorado de Selina Kyle se torne o morcegão neste momento da série. Ainda vimos que as Corujas tiveram um espaço tão grande aqui que, talvez, finalmente mostrem suas garras à cidade. Frank Gordon passa o episódio inteiro bancando o agente duplo entre a Corte e Jimbo, este que começa a investigar a morte do pai, que tem o envolvimento de Falcone a mando do próprio Frank. Tudo isso para que Jim execute de fato o desejo real do pai, que se tornou o do tio com sua morte e agora paira nas suas costas: ou se juntar à Corte para detê-los com sua super arma (um ninja que foi geneticamente modificado em Indian Hill) ou ceder aos desejos dos mesmos e ficar vivo suficiente para ver Gotham entregue às Corujas. O que nos leva ao cliffhanger do episódio, alguém chuta o que o Gordon fará?

Do outro lado, ainda temos o plot da mais nova dupla dinâmica de vilões: Pinguim e Ivy, que, diga-se de passagem, funcionou bastante bem em cena a química dos dois. E depois de um teste de confiança com algumas mortes no meio do caminho, confesso que estou ansiosíssima para ver esse exército de loucos. Um vez que já vimos que os poderes da ruiva realmente funcionam na série, por que não agora acrescentar um pouco mais de Selina Kyle no jogo e resgatar a Fish “desaparecida” Mooney??? Aliás, o fato de o Pinguim finalmente ter descoberto a verdade sobre seu tão desejado “respeito” tardou a aparecer, mas sua reação à notícia foi ótima. Amamos esse Cobblepot e iremos esperar a aparição de seu característico guarda-chuva da morte.