Scandal | 7×16 – People Like Me

A cabeça de Cyrus está valendo prêmio na reta final do drama político de Shonda Rhimes e faltando 90 minutos para encerrar uma de suas mais famosas série, ela e os roteiristas entregam mais um episódio confuso. Mellie quer a cabeça de seu vice-presidente e Liv, a pedido de Huck, agora quer fazer a coisa certa. Uma das luzes no fim do túnel é as duas finalmente se entendendo. Confira o que aconteceu no antepenúltimo episódio de Scandal!

Jake, outrora um dos personagens mais amados da série (e bem escritos também!), continua sendo manipulado por um implacável Cyrus, que está se deleitando com a possibilidade de conseguir tirar Mellie do poder, e Liv e companhia estão lutando contra o tempo e a imprensa para que isso não aconteça com a primeira presidente mulher dos Estados Unidos. Mellie, por sua vez, está cada vez mais nervosa, mas tem a certeza de que junto de Olivia ambas são implacáveis.

Uma coisa é certa: os roteiristas da série lembraram que Cy é mesmo uma cobra e o vice-presidente já está se vangloriando de ter a Casa Branca só para ele, mas no decorrer do episódio alguém dá um choque de realidade em Cyrus e vamos voltar a esse ponto alto logo mais, porque outra coisa que os roteiristas lembraram agora, no finalzinho da série, foi do romance e do potencial entre Mellie e Marcus. O associado de Fitz e a presidente voltaram a ter um caso e, mais do que isso, Marcus quer ajuda-lá a qualquer custo, mas Mellie tenta avisá-lo de que eles não podem mais conversar no Salão Oval (já que Jake observa tudo por lá) e que Liv está de volta para salvá-los. Mellie expressa a preocupação de estar se transformando em todos os outros presidentes que já passaram por lá.

Lembra do susto que eu falei que Cyrus levaria? Ele se chama Olivia Pope. É claro que nossa heroína da capa branca foi atrás do vice para jogar limpo com ele e falar tudo o que vai acontecer com seu arqui-inimigo se ele não deixar de lado as ideias absurdas de sonhar com a presidência. Ameaças feitas de ambos os lados, dá para perceber que não existe mais jogo de gato e rato entre os dois. Todo mundo sabe exatamente qual é a próxima jogada que o outro lado vai fazer, então quem vai sair ganhando dessa vez?

Enquanto rola toda essa tensão entre Liv e Cy, Quinn tenta ensinar Abby a hackear o sistema que Cyrus criou para hackear o avião, já que Huck está com Olivia e Charlie ainda está sumido. E falando em relacionamentos que voltaram, Huck e Olivia ainda estão se estranhando e o braço direito dela continua preocupado que sua para-sempre-chefe vá se perder e matar alguém novamente. Outra coisa que os roteiristas lembraram, já que faltava Liv se acertar de vez com ele, além de Quinn e Abby.

Em meio a vários devaneios que rolaram neste episódio, Marcus e Fitz tem um boca a boca sobre Mellie se perder completamente, já que Fitz também o fez e o ex-presidente se ofende que seu associado tenha falado a verdade. Enquanto isso, falando nela, Mellie está na Casa Branca, bebendo sua bebida especial e jogando na cara de Jake todas as verdades sobre o que seu personagem se tornou: fraco e mimado. O almirante, claro, está vendo e ouvindo tudo e ficando cada vez mais sem paciência – tal qual Cyrus, que está preso com Olivia tomando vinho e ainda em negociação sobre o impeachment orquestrado de Mellie.

Apesar de tudo isso, e este ser um dos últimos episódios de Scandal, enquanto a história vai desenrolando a gente pensa que nada vai para lugar algum nesses 40 minutos, mas Quinn e Abby descobrem que o hacker de Cyrus está morto e Quinn presume que o vice tenha matado seu marido também, deixando Olivia possessa, pronta para assassinar seu inimigo de uma vez por todas. Enquanto isso, Fitz liga para Mellie e, em uma conversa muito honesta, o ex-marido a lembra que ela é melhor do que todos os que já passaram pelo Oval, incluindo ele. O tempo está passando, e depois de todas essas conversas já não se sabe mais o que vai acontecer.

Uma torturada Olivia e ainda mais possessa é pega de surpresa quando Jake vai salvar Cyrus da intervenção e joga na cara da ex que ela não consegue ser o comando que os Estados Unidos precisa, dizendo que ela enfraqueceu e que precisa de pessoas como ele para fazer o trabalho desonesto. Para salvar o episódio, apesar de no fundo ambas acharem que estão derrotadas, Mellie e Olivia mais uma vez reforçam sua parceria e amizade e juntam mais ainda as forças em uma cena que vai deixar a gente com a saudade das atrizes.

Mellie declara para a imprensa a verdade: não existe culpa de sua parte e ela vai enfrentar o que vier pela frente. E o espectador também, já que as verdadeiras emoções e ação vão ficar para o final mesmo. E lembra que a gente estava achando que o Jake tinha virado um pamonha? Pelo visto alguém andou roubando alguns capítulos no livro de Cyrus.

LoGGado

Notícias, Críticas, Reviews e Podcasts descontraídos sobre o mundo das séries, filmes, cinema, TV, música e entretenimento!!